Catlleya guttata



Flower colors They vary a lot. The waxy petals and sepals can be green or vary from yellow-greenish to olive-green spotted with deep purple or red-brown dots and blotches. The pinkish lateral lobes surround the column and the mid-lobe is amethyst.
Number of flower for spike Usually it varies from 5 to 10 or more flowers but it can bear 20 even 30 fragrant flowers, from dry sheaths.
Flower size From 5 to 8 cm across but they can be much bigger.
Preferred conditions It needs to be well watered during the growth period with a reduction during the winter. It requires intermediate to warm conditions and normally grows in full sun. Fertilize weekly while it is growing with a nitrogen fertilizer and a phosphate formula to induce blooming during the 3 months before blooming season. A well-ventilated environment is essential. The plant can reach 1 m long and plants of 1,80 cm have been reported.
Season of bloom It flowers usually in summer, autumn or winter depending on the environment or the origin of the plant.
Origin It is endemic to Brazil and occurs in the states of Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina and São Paulo.
Comments There are many described varieties: elatior (or Cattleya elatior) with yellow-pinkish petals and sepals. leopardina with yellow-greenish petals and sepals and strongly spotted and some with green-whitish, dark brown or dark red segments. The lip can be purple, almost white, whitish or pink. Nowadays it is considered as a different but close species to Cattleya leopoldii which has been considered for long time as a variation of it.

Colorido das flores Colorido muito variável. As sépalas e pétalas são cerosas e pintalgadas de púrpura escuro ou marrom-avermelhado. Elas podem ser verdes ou variar do amarelo-esverdeado passando por diversas tonalidades até ao chegar ao verde-oliva. Os lóbulos laterais do labelo podem ser esbranquiçado e encobrem a coluna. O lóbulo mediano é ametista-purpúreo.
Número de flores por haste Normalmente de e 5 a 10 ou até mais flores mas pode florir com 20 ou até mesmo 30 flores perfumadas que emergem da espata já seca.
Tamanho da flor De 5 a 8cm de diâmetro mas pode ser bem maior.
Condições requeridas Deve ser cultivada em clima temperado ou quente e normalmente vegeta em pleno sol. Precisa ser bem regada durante o período de crescimento reduzindo durante o inverno. Aplique um adubo nitrogenado semanalmente durante o período de crescimento e uma fórmula fosfatada nos 3 meses que antecedem a floração. Uma excelente ventilação é fundamental. A haste caulinar pode atingir 1m de altura.
Época da floração Floresce normalmente no verão, no outono ou mesmo no inverno, dependendo do ambiente ou da origem da planta.
Origem Espécie endêmica para o Brasil, ocorre nos estados de Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo.
Comentários Existem muitas variedades descritas: elatior (ou Cattleya elatior) com pétalas amarelo-rosadas. leopardina com pétalas e sépalas amarelo-esverdeadas e intensamente pintalgadas e algumas com segmentos verde-esbranquiçados, marrom escuros ou vermelhos escuros. O labelo pode ser púrpura, quase que inteiramente branco, esbranquiçado ou rosa Hoje em dia é considerada como uma espécie diferente embora bastante próxima da Cattleya leopoldii que foi durante muito tempo considerada como uma variedade da Cattleya guttata.