Masdevallia Angel Glow

Masdevallia Angel Glow



Flower colors The flowers are dark-orange.
Number of flower for spike Single flowers are born on long stems.
Flower size 3cm across.
Preferred conditions Cool conditions are required to have a great success although some species can grow in intermediate conditions. Keep them in small pots constantly moist, in shade. The genus Masdevallia does not like too much fertilizer, apply just one half dose of a balanced fertilizer once a month. Due to the conditions required for the culture of this genus (low temperature and high humidity), air movement is particularly important.
Season of bloom Winter.
Origin This is a hybrid formed by Masdevallia infracta, endemic to Brazil (it is widely distributed in southern region: states of Espírito Santo, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais), Masdevallia strobelii which is endemic to Ecuador and Masdevallia veitchiana endemic to the high mountains of Peru (Machu Pichu).
Comments This genus has at about 350 species distributed from Mexico to Brazil and the most part at relatively high elevations in the Andes of Colombia, Ecuador and Peru. The flowers have unusual structure because the sepals overwhelm the entire flower which are often elongating into long tails.

Colorido das flores Suas flores são alaranjadas (bem forte)
Número de flores por haste Apenas uma flor solitária que emerge da base das folhas, em haste bastante longa.
Tamanho da flor 3cm de largura.
Condições requeridas Para se ter sucesso com Masdevallia, é preciso cultivá-las em clima frio embora algumas espécies (como a infracta) possam ser também cultivadas em clima temperado. Precisam de muita umidade ambiental. Mantenha a planta em vasos bem pequenos, com substrato permanentemente úmido, mas não encharcado e na sombra. O gênero Masdevallia não gosta de muito adubo ,portanto aplique apenas metade da dose de adubo balanceado, uma vez por mês. Em razão das condições requeridas para seu cultivo (temperatura baixa e muita umidade), uma boa ventilação é particularmente importante.
Época da floração Inverno no hemisfério sul.
Origem Este é um híbrido formado pela Masdevallia infracta, endêmica para Brasil (Amplamente distribuída nos estados de Espírito Santo, Minas Gerais Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo), Masdevallia strobelii, endêmica para o Equador e Masdevallia veitchiana, endêmica para as altas montanhas do Peru (Machu Pichu).
Comentários Masdevallia é um gênero que tem aproximadamente 350 espécies distribuídas do México ao Brasil e a maior parte vem das montanhas elevadas dos Andes na Colômbia, Equador e Peru. Suas flores têm uma estrutura incomum porque suas sépalas dominam completamente a flor e, frequentemente, se alongam em caudas bem compridas.