O Gênero Lepanthes e Outras Orquídeas da Guatemala

Moises Behar é guatemalteco e médico-pediatra especializado em má-nutrição e saúde pública.
Apaixonado por orquídeas mas possuindo pouco espaço para suas orquídeas, tornou-se um especializado em micro-orquídeas e macro-fotografia.
Autor do livro "Guatemala and its Orchids", entre outros.

ON: Poderia nos dar uma idéia das condições geográficas e climáticas de seu País?
MB: A Guatemala é um país pequeno (108, 889 km2), localizado no América Central, ao sul do México e possui costa voltada para ambos os oceanos (Pacífico e Atlântico). É muito montanhoso e com muitos vulcões, com altitude  variada que chegando perto de 4.000 metros acima do nível do mar. Por causa de sua localização geográfica em zona subtropical e também por sua topografia, tem uma grande diversidade de climas e de ecossistemas. É muito quente nas terras baixas e frio, algumas com temperatura abaixo de 0º C, nas altas montanhas. A maior parte da área do país ainda é coberta de florestas com grande biodiversidade, particularmente nas florestas pluviais cobertas de neblina ao norte. Recentemente vem sofrendo com o desflorestamento em razão do rápido crescimento demográfico.

ON: Quantas espécies de orquídeas são encontradas na Guatemala?
MB: Aproximadamente 800 espécies de orquídeas foram descritas no país, muitas delas de grande beleza (fotografias abaixo) e algumas são endêmicas.

ON: Em que tipo de habitat elas crescem ?
MB: A maior parte das espécies é encontrada nas florestas cobertas de nevoeiro de altitude intermediária mas também podem ser encontradas em pequenas áreas semi-desérticas, como epífitas em formação arbustiva espinhosas e em cactos.

ON: Qual o gênero de sua preferência?
MB: Eu me interesso por micro-orquídeas, abundantes mas pouco conhecidas e pouco apreciadas por causa de seu pequeno tamanho. No entanto, elas têm uma diversidade incrível de beleza quando ampliadas. Eu tenho estudado particularmente o Lepanthes, da sub-tribo Pleurothallidinae.

ON: Com referência a este gênero que foi objeto de sua palestra em Dijon, quantas espécies possui aproximadamente?
MB: Lepanthes é um gênero grande com aproximadamente 1.000 espécies.

ON: Qual é a sua distribuição geográfica?
MB: Lepanthes são encontradas na América tropical, desde o sul do México até o norte do Brasil e Peru, incluindo as ilhas do Caribe.

ON: Quantas espécies ocorrem na Guatemala?
MB: Na Guatemala, há cerca de 40 espécies.

ON: Quais são as características de seus habitats?
MB: Elas crescem nas florestas úmidas, nos troncos e galhos de árvores com musgo e com outras Pleurothallidinae. A maior parte das espécies se encontra entre 1.500 e 2.500 m. de altitude, mas algumas podem ser encontradas a nível do mar e outras acima de 3.000 m.

ON: Quais são as características peculiares deste gênero?
MB: As plantas são pequenas, epífitas, sem pseudobulbos. Com uma folha em cada ramicaule. Elas são distinguidas pela presença de bainhas (bainhas lepantiformes) nas hastes e a aparência de “osso de peixe”, nas inflorescências velhas. A diferença mais significativa é, no entanto, a estrutura das flores. Elas são pequenas, com grande diversidade de forma e colorido. Muito atraentes. As pétalas são mais largas do que longas, bilobadas. O labelo, de difícil reconhecimento é trilobado. Os dois lobos laterais envolvem a coluna e parecem lâminas nos lados da coluna, quando vistos de frente. O terceiro, o lobo mediano, fica situado abaixo da base da coluna, é muito pequeno, quase microscópico, esculpido e um apêndice colado. Aparentemente é um atrativo para os polinizadores.

ON: Qual a dica que poderia ajudar no cultivo em casa destas plantas?
MB: Elas precisam ser mantidas amarradas em pedaços de xaxim ou plantadas em vasos com um substrato solto, em locais de elevada umidade ambiental, acima de 80%, mas como muita ventilação e luminosidade suficiente.


ON: Muito obrigada, Dr. Moises Behar.


Cattleya aurantiaca

Cattleya skinneri

Cypripedium irapeanum

Lemboglossum uro-skinneri

Lepanthes hondurensis

Elleanthus cynarocephalus

Houletia tigrina

Lycaste skinneri

Lycaste skinneri
var.alba

Rhyncholaelia digbyana

Rossioglossum grande

Lepanthes arachnion

Maxillaria tenuifolia

Fotos de Moises Behar

Expressamente proibido qualquer tipo de uso, de qualquer material deste site (texto, fotos, imagens, lay-out e outros), sem a expressa autorização de seus autores.